2017-09-21

Bairro das Artes

Desenhar à Flor da Pele, Casa Museu Vieira da Silva, com Valentina.



2017-09-20

Santa Apolónia

Não venho a Sta Apolónia sem recordar tantas vidas cuja mudança por aqui passou.
Não me tocando na pele vivi lado a lado com a emigração dos anos sessenta, com os interails e com várias épocas em que as viagens de avião eram proibitivas, as de carro difíceis a as de boleia duvidosas.
Valha-nos Sta Apolónia.
(Desafio Lisboa Oriental dos USkP)

2017-09-19

SILOPOR

Desafio Lisboa Oriental, dos USkP.

2017-09-18

No Carmo, com HFM

No muito desenhado e redesenhado Museu do Carmo, a proposta da Helena foi surpreendente: Olhar como um extraterrestre acabado de chegar ao local.
Tomei a ideia "à letra" e ainda lhe acrescentei uma profissão: Um EXTRATERRESTRE ARQUEÓLOGO.

2017-09-17

Uma tarde muito bem passada...

... com HFM no Museu Arqueológico do Carmo.

2017-09-15

2017-09-14

Castro Verde

Há desenhos sem história que vão ficando por aí.
São simplesmente desenhos.
Hoje saiu-me este.

2017-09-13

Castro Verde

A tasca é uma das várias que visitámos em Castro Verde.
O que não esquece é o divinal ensopado de borrego. Nem os compadres da mesa do lado que "... sem mais nem porquê se pegaram cantando..." (como diz o Chico Buarque) o famoso Cante Alentejano. Na audiência fez-se um silêncio tal que até se ouviam os arrepios. E não era do frio.
(O desenho tem batota porque é a sobreposição de dois desenhos, mas foram todos feitos no momento e apeteceu-me assim.)


Ilha do Farol

Na Ria Formosa

2017-09-11

Lisboa Oriental

(A)Riscar o Património.
Desafio USkP.
Vista Panorâmica sobre o rio, Ponte Vasco da Gama e Estádio do Clube Oriantal de Lisboa, na Rotunda da R Eng Cunha Leal e Marvila... (Ufff)

2017-09-07

Portas do Mar

À espera da partida do ferry para a praia de Faro.

Estaminé

O restaurante na Ilha Deserta, em Faro.

2017-09-05

Armazém das Malhas

Lojas Tradicionais de Lisboa, no desafio USkP.
Armazém das Malhas.  R Forno do Tijolo, 50.

2017-09-04

Segurança Social

À espera do atendimento

2017-08-31

Ria Formosa

Sem dúvida que gosto de viajar.
O insólito, a descoberta, o fora do vulgar... mas também me agradam os valores seguros. Aqueles que sem novidade me vão maravilhando a cada regresso. E aí o passeio na Ria Formosa dá cartas. Vale sempre a pena, é simultaneamente repetido, novo e deslumbrante.
Gosto de ir desenhando à velocidade da navegação. São imagens fugazes em constante mutação... longe, perto, longe... que me vão passando pelos olhos e deixam saudades no momento em que desaparecem.

Passeio público

Durante o mês de agosto, em Faro, há um festival de folclore, mas o folclore está todo nas ruas.
Basta sentarmo-nos numa esplanada e ele passa à nossa frente. É uma espécie de passeio público.

2017-08-28

2017-08-24

Castro Verde

Arquitecturas que se vão construindo aos poucos

2017-08-23

Uma travessia do Sado

Foi muito rápida. Não deu para encher a folha.

2017-08-22

Imaginary Day Group

Em Casto Verde preparava-me para um serão de jazz mas apareceu uma Banda, o Imaginary Day Group, que não se poupa em decibels.

2017-08-21

Praia da Ursa

Sempre que posso dou por lá um salto.
Não é só a praia. Todo o passeio é lindo.

2017-08-17

2017-08-16

Chicago, Bar 222

Quando se juntam 10 sketchers no Bar 222, são 10 cadernos abertos e 10 canetas na mão.

2017-08-14

Praia da Adraga

Brrr! Que água tão fria!

2017-08-11

Frankfurt

Não. Não é tudo imaginação minha!
Cá está o camone tropicalizante (ou seria um russo igualmente tropicalizante) da escala no aeroporto de Frankfurt.

2017-08-09

Bar 222

Um serão em Chicago juntou-se a turma no Bar 222 onde uma banda tocava rock americano de colheitas menos recentes.
Eram tantos os sketchers que a banda se sentiu apreciada, tocou até mais tarde e no final andou com ahs e ohs a passear pelos cadernos. Nessa ocasião, ao vê-los de mais perto, percebi que todos tocavam de chapéu para esconder o que lá faltava por baixo... o rock tinha mesmo alguns anos.

2017-08-08

Chicago

Quando, nos workshops de iniciação aos diários gráficos, dizemos que o mundo todo cabe dentro dos nossos cadernos não estamos a considerar uma viagem a Chicago. Não consegui mesmo acertar com estas escalas e grafismos. Devia era ter-me inscrito num daqueles workshops avançados que falam de deformações e torcidões...


2017-08-07

Veronica Lawlor

Há muito que sigo, com admiração, o trabalho da Veronica Lawlor , de NYC, Urban Sketcher desde a primeira hora.
Como correspondente em Chicago tive oportunidade de acompanhar um dos workshops que ela orientou no 8º Symposium USk.
Para além do mais fiquei admirando a capacidade de desenhar em pé, virada para os alunos, num caderno A3. Assim mesmo, olhando de cima para baixo... e os desenhos ficam bem! Como se tivessem sido feitos ao estirador.


2017-08-04

John Hancock Center

Isto há que fazer escolhas que o tempo e a vida são caros e os US$ não chegam para tudo.
Não entrei na Willis Tower mas fui ao John Hancock Center que é um arranha-céus feito pelos mesmos arquitectos, um pouco mais baixo e um pouco mais antigo mas muito mais bonito.
No 95º piso tem um famoso (e caríssimo) restaurante com uma mezzanine/ bar, o SIGNATURE ROOM onde, pelo preço da bebida mais barata (um sumo de pacote por 10,00 US$) estive 15 minutos numa mesa mesmo defronte da janela virada a poente. De vez em quando passava uma nuvem e ficava virado para lado nenhum. Tudo branco e as luzes interiores aumentando de intensidade.
Nestas planícies do Mid West o horizonte é mesmo horizontal e o casario a perder de vista mas cada vez mais ralo e entremeado com verdes.

2017-08-03

EL TRAIN

EL refere o Elevated Train que cruza Chicago em vários sentidos.
Há também o METRA (assim mesmo, no feminino) e ainda outras linhas do CTA (alguém se lembra da banda Chicago Transit Authority?)
Acaba por ser uma excelente rede de transportes públicos.
Não consegui foi fazer um desenho desta futurista estrutura (com 100 anos) ferrugenta, que abana, pinga fluídos, larga poeiras e faz uma barulheira cada vez que passa um comboio.
Parece que só lhe estou a pôr defeitos, mas nada. Fui atraído por ela desde o primeiro encontro e só tenho pena de não lhe ter podido dedicar mais tempo e mais papel.

2017-08-02

I have been on the BEAN

Acompanhei o workshop da Suhita Shirodkar, que foi no "Bean". O fantástico, magnético, surpreendente BEAN (na verdade chama-se CLOUD GATE e é obra do Anish Kapoor.
É absolutamente incrível a quantidade de pessoas que, a toda a hora e todo o momento andam à volta daquele espelho fazendo caretas e figuras esquisitas mas, sempre e sobretudo, tirando fotografias. Até há quem peça "... é pá tira-me aí uma selfie".
Todos querem registar que estiveram no BEAN.
Foi dos poucos desenhos que fiz fora das obrigações de correspondente, de forma que foi este o desenho que entreguei para o leilão no final do Symposium (destinado a financiar a organização).
... e foi comprado! Fiquei com esta fotografia.

2017-07-19

2017-07-18

Mais pessoas

#oneweek100people2017
Em aquecimento para o 8º Symposium USk, Chicago.

2017-07-17

One week 100 people 2017

O desafio já é antigo mas resolvi requentá-lo em aquecimento para o 8º Symposium Urban Sketchers, Chicago.

2017-07-16

#oneweek100people2017

Aproxima-se o Symposium USk 2017 Chicago.
Ainda não cehagaram os workshops, lectures, atc mas já aí estão os desafios. E o primeiro é o #oneweek100people2017.
Alguém alinha?

Praia da Peralta

Na Praia de Peralta, olhando para sul.

2017-07-13

O salvavidas de Esposende

Com aquela barra o salvavidas de Esposende tem de ter pouco calado, muita coragem e toda a prontidão.
Este ainda é um desenho do excelente encontro NÓS E OS CADERNOS 2016 organizado pelo TIAGO CRUZ.
Este ano há mais, já no próximo fim de semana. Quem puder lá ir não se arrepende com certeza.

2017-07-12

Câmara de Lobos

Há anos que não ia a Câmara de Lobos mas há coisas que não mudam.
O mar mesmo ali, molhando a praia de calhau rolado.
As inúmeras lagartixas tão fugidias como curiosas.
O casario sorrateiramente avançando para o mar escondendo-se atrás daquele espigão de rocha castanha quase negra.
(As lagartixas e o calhau rolado fugiram do desenho)

2017-07-11

HOSPITAL DE LISBOA ORIENTAL

Apresentação do Projeto de Desenvolvimento da Infraestrutura Hospitalar do Hospital de Lisboa Oriental
2017-07-12, Auditório Infarmed

2017-07-10

As árvores da Madeira

As árvores (e a vegetação de uma forma geral) são um dos atractivos da Madeira. Desenhar aquelas árvores seria um programa de vida. Há para todos os gostos, das mais espampanantes às mais clássicas.
O problema é que, para mim, são exóticas e nem sempre consigo distinguir o que é característico do exemplar e da espécie.

2017-07-09

2017-07-06

Cinco minutos no Cabo Girão...

... não dão para absorver a grandiosidade da vista.