2010-01-28

De Lagos para Lisboa, 7


Grande jantarada, com Sines aos pés.
Tudo começou com as azeitonas e o pão alentejano...

4 comentários:

Zé Maria disse...

Na única ocasião em que fui a Sines de veleiro (no Aracan), cheguei a terra enjoado à farta. Fomos jantar provavelmente no mesmo restaurante, porque a vista era a mesma.
Curou-me o enjoo.
Um abraço.
ZM

hfm disse...

Para além do "boneco" sobraram algumas azeitonas e um naco de pão? ;)

Lília disse...

hummm saudades dos bonecos... venho, e encontro Sines... até suspirei. As férias de 14 anos da m/juventude foram lá passados. Antes da "el condotte". Alfacinha de 3ª geração, passei a dizer qdo me perguntavam qual a m/terra, ser de Sines...

Galeota disse...

Sopa de poejos com ovos;
Assada de barbos com batatas cozidas;
Ensopada à Pastora;
Bolo de Bom Gosto do Convento da Esperança;
Areias de Sines;
Pinhoadas;
Vinho tinto da Cartuxa.