2008-05-30

Marvão, 3


1 comentário:

Galeota disse...

"Ó sino da minha aldeia/Dolente na tarde calma/Cada tua badalada/Soa dentro de minh´alma..."