2008-06-18

Interiores


Lóios, Évora

3 comentários:

Galeota disse...

Podemos sacar fotografías? Está
permitido...?

vitório rosário cardoso disse...

Prezados clientes


Quem quer comprar carne de 1ª qualidade é favor de me contactar...vendemos carne fresca do sudoeste asiático.Carne tenra e fresca ( ainda menores)de primeira mão, sem doenças contaminadas, algumas ainda usa fraldas....vitório é prova de qualidade. também tenho bom vinho, da terra do meu avô, loucor beirão acompanhado com o chouriço português do meu avô...ainda tenho pra vender os meus tomates, ainda virgens e frescas...acompanha de suco bem doce...pois confeço que tenho diabetes, ainda vendo em saldos bananão bem grande de de marca tiu monte, acreditam que nunca viram banana tão grande e ríj, também acompanhada de suco que é especialidade da casa...não esqueçam que também tenho chourição (dos grandes)à venda e tão boa qualidade que até se vibram...fazemos entregas ao domicílio...para terminar apresento-vos o meu chouricao de burro, directamente do meu quintal sempre de melhor qualidade, e garanto-vos que vão ficar mais espertos depois de comer chourição de burro

saudações

Vitório Rosário Cardoso

Galeota disse...

"....O próprio Sailer conhecia a grande tradição teológica e mística medieval com uma profundidade insólita para o seu tempo, porque não limitava o homem ao momento presente, sabendo que só conseguiria penetrar em si quando se abrisse com respeito e despertasse para toda a riqueza da sua história. Acresce sobretudo que este homem não se limitava a pensar - ele vivia.Se Sailer procurava uma teologia do coração, não era por um sentimentalismo barato, mas porque conhecia o homem na sua totalidade, que se realiza unificando a profundidade oculta do sentimento e a clareza visível da razão, mediante a conjugação do espírito e do corpo. "Só se vê bem com o coração", disse um dia Saint-Exupéry; e, quando se confronta o progressismo sem vida de Mathias Fingerlos com a riqueza e profundidade de Sailer, consegue-se sentir na pele quão verdadeira é esta afirmaçao.Só se vê bem com o coração- e Sailer era um vidente
porque tinha coração.A partir dele podia-se vislumbrar qualquer coisa de novo, portadora de futuro, porque vivia daquilo que permanece e porque se punha a si mesmo e à sua vida ao serviço disso.
E com isto chegamos agora ao verdadeiro ponto: só quem se dá a si mesmo é criador de futuro. Quem quer simplesmente ensinar, quem deseja apenas mudar os "outros" permanece estéril...."
in Fé e Futuro